Conecte-se conosco

Listas

15 piores lutas de Dragon Ball

Publicado

em

A criação de Akira Toriyama já é sucesso há alguns anos. Desde que Goku e Cia foram apresentados, saga após saga, eles tem conquistado a atenção do público e apresentado novos personagens que conquistam cada vez mais fãs. E parte deste sucesso são as lutas promovidas entre guerreiros e alguns vilões. Mas como tudo não pode ser perfeito, Dragon Ball tem apresentado algumas lutas que merecem ser esquecidas ou simplesmente não deveriam ter sido levadas ao ar, mas agora que já foram, cabe a nós recordar estes momentos. Saiba quais foram as 15 piores lutas de Dragon Ball:

15. Pikkon e Goku VS Cell, Freeza, Rei Cold e as Forças Especiais Ginyu

Como explicar uma luta onde um personagem infinitamente inferior do que Cell em sua forma perfeita é capaz de derrotar um vilão, quando outros personagens da franquia tentaram porém sem sucesso. O mais problema em toda esta luta é que inexplicavelmente o roteiro de Dragon Ball privilegiou um personagem com poderes de lutas medianos, que foi capaz de dar uma verdadeira surra, quando outros vilões, como: Freeza, Rei Cold e as Forças Especiais Ginyu já tinham fracassado contra o vilão. Essa luta aconteceu logo após a inserção do Trunks do Futuro na trama, que derrota Freeza e Rei Cold. piores lutas de Dragon Ball

14. Kuririn VS Bacteriano

Dragon Ball tinha um tom muito claro quando iniciou sua franquia, e durante muito tempo funcionou. Sem que todo vilão que aparecesse no anime precisasse ser capaz de destruir a Terra ou ter em seu curriculum a destruição de algum planeta, permitiu lutas focadas nas técnicas específicas de cada personagem, obrigando alguns oponentes a criarem novos movimentos para se adaptarem. Mas também mostrou algumas lutas carentes de técnicas e que se tornaram bobas. O auge disso pode ter sido a luta de Kuririn contra Bacteriano no Torneio Mundial de Artes Marciais. O oponente de Kuririn costumava ganhar as lutas soltando flatulência sobre seus adversários. O que não fazia muito sentido era que o personagem estava ganhando lutas com guerreiros treinados. Como poderia?

13. Goku VS Cell e Freeza

Um problema que se notava na franquia e que durou alguns anos, era que os vilões nunca pareciam entender que tinha a necessidade de treinar e aprimorar suas habilidades. Então quando apareciam em episódios especiais ou filmes, eles eram simplesmente derrotados como se não fossem nada. Em Dragon Ball Z: O Renascimento de Freeza (2015), eles corrigiram isso introduzindo o Golden Freeza, mas em Dragon Ball GT, o problema ainda estava lá, o que levou a triste revanche entre de Freeza e Cell contra Goku. piores lutas de Dragon Ball

12. Super Boo VS Gotenks

Quando Goku revelou que ao se tornar um Super Saiyajin 3, parecia estranho que ele não conseguisse acabar com Majin Boo. Ele então revelou que estava se segurando por que queria que a próxima geração tivesse a chance de salvar o mundo. Neste caso Goten e Trunks, seria a nova geração. Neste intervalo de tempo, Majin Boo sofre uma nova transformação e desta vez, assume a poderosa forma de Super Boo. Infelizmente, após a fusão de Goten e Trunks, Gotenks é um misto da imaturade dos dois personagens, se tornando um idiota absoluto. Com isso a batalha não avança, fazendo com que Super Boo mate ainda mais pessoas na Terra. Goku e Gohan deveriam ser os guerreiros que acabariam com o vilão, mas cederam o lugar para Gotenks.

11. Abo e Kado VS Goten e Trunks (Gotenks)

Mais uma vez provando que a imaturidade de Gotenks não tinha limites e que deveria ter aprendido após a luta com Super Boo, eles enfrentam Abo e Kado. Ao saber que os lacaios do Freeza estão retornando à Terra, eles se animam pela possível luta. Usando a fusão, Gotenks mais uma vez surge e desperdiça o momento, com piadas que não cabiam no momento. Como a luta chega em um nível perigoso, Goku e Vegeta acabam interferindo para salvar mais uma vez a Terra. piores lutas de Dragon Ball

10. Grande Saiyaman VS Freeza

Quando filme O Renascimento da Fusão: Goku e Vegeta (1995) foi exibido, uma luta que poderia ter sido facilmente descartada foi inserida na produção, entre o Grande Saiyaman e Freeza. Esse momento vergonhoso não lembra nem de perto, o aspecto positivo a franquia com o retorno do vilão em Dragon Ball Z: O Renascimento de Freeza (2015). Ao fugir do inferno em busca de uma vingança, o primeiro a cruzar o caminho de Freeza é Gohan, mas com o traje do Super Saiyaman. A luta dos dois personagens é marcada pelas poses estranhas que Gohan fazia quando assumia seu novo alter-ego. piores lutas de Dragon Ball

9. Goten e Trunks VS Androide 18

Em Dragon Ball GT no Torneio Mundial de Artes Marciais, Goten e Trunks resolvem se inscrever para lutar contra os adultos, já que as regras não permitiam que eles lutasse se não fossem com crianças. Com isso, eles resolvem assumir a identidade do Mighty Mask. O interessante é que a luta seria com a Androide 18 e ao saber quem eram os dois estranhos por trás do traje, adivinha o que aconteceu. Eles foram eliminados. A luta em sí não foi ruim, mas a condução do humor de Goten e Trunks é realmente um problema, seja aonde eles apareçam.

8. Vegito VS Super Boo

A fusão entre Vegeta e Goku que formava Vegito não é mais considerado cânone em Dragon Ball, mas que não se lembra da luta de Vegito e Super Boo em Dragon Ball Z? Há muito razão por parte daqueles que defendem que a saga do Cell em Dragon Ball Z foi a melhor criada. Os episódios com Boo certamente tiveram seus momentos, mas também foi o momento onde os personagens mais ficaram sem controle e passaram a confiar demais em truques. A luta foi uma verdadeira catóstrofe, já que Super Boo tinha absorvido Piccolo, Gotenks e Gohan. Acreditando ser mais esperto que seu oponente, Vegito que tinha mais da personalidade de Vegeta, acabou encontrando alguns percalços ao longo da luta. piores lutas de Dragon Ball

7. Napa VS Vegeta

Quando Goku lutou contra Freeza e Cell no inferno durante Dragon Ball GT, muitos dos outros vilões da franquia invadiram a Terra. Claro, nem todos era grandes ameaças, mas isso não significa que eles não poderiam ter conversas interessanes com rostos familiares. Foi o que aconteceu no encontro entre Napa e Vegeta. Enquando destruia uma cidade e encontrou Vegeta, Napa ficou intrigado com seu ex-parceiro. Já que ele foi enviado para o inferno e Vegeta continuava vivo na Terra. Esse ressentimento acaba rendendo uma luta desnecessária.

6. Goku e Pan VS Rage Shenron

As Esferas do Dragão, sempre foram utilizadas em diversos momentos de Dragon Ball. Quando Dragon Ball GT estava sem um vilão para ser derrotado, os roteiristas do anime, resolveram transformar as sete esferas em sete dragões que queriam destruir a Terra. E um deles Rage Shenron, deu um excessivo trabalho para Pan e Goku. A ideia de transformar as esferas em dragões não foi uma boa decisão criativa, que renderam alguns momentos que o próprio criador da franquia, desconsiderou para o retorno da franquia em Dragon Ball Super.

5. Gogeta VS Omega Shenron

Desta vez uma fusão em que a personalidade do Goku era predominante, não foi o suficiente para não tornar a luta contra Omega Shenron um fiasco. Em Dragon Ball GT, as esferas do dragão se tornaram dragões incontroláveis e com sede de luta, mas mesmo com a aparição de Gogeta, muito mais parecia um desperdício de tempo do que uma boa luta como tantas outras em Dragon Ball GT. Não por coincidência Dragon Ball GT deixou de ser cânone na franquia.

4. Tenshinhan, Chaos e Yamcha VS Forças Especiais Ginyu

A maior parte dos fãs de Dragon Ball Z sabe que os roteiristas do anime precisaram incluir algumas lutas para que o anime não alcançasse o mangá. Essa tática tinha um único objetivo, esticar o anime com materiais inéditos. Isso fez com que o ritmo de muitas lutas se tornassem lentas e outras colocadas extrategicamente como tapa buraco. Em um momento duvidoso, a equipe de Dragon Ball Z resolve escrever uma luta de Tenshinhan, Chaos e Yamcha contra as Forças Especiais Ginyu. Sem nenhuma justificativa, essa luta se arrastou por alguns episódios e até hoje não se entende o por que de ter acontecido.

3. Os irmãos Para Para VS Goku, Pan e Trunks

Dragon Ball GT apresentou boas lutas, mas algumas foram injustificáveis, até mesmo para os fãs mais fervorosos. Quando os Irmãos Para Para entram em cena, ninguém consegue ficar parado. Essa era uma das táticas de lutas dos oponentes de Goku, Pan e Trunks. Ao ligar um som que sempre os acompanhava seus oponentes eram basicamente enfeitiçados e dançavam por horas, até chegar ao máximo do esgotamento físico. Realmente curioso que uma franquia como Dragon Ball tenha recorrido a este tipo de personagem.

2. Gohan, Kuririn e Piccolo VS Garlic Jr.

Se perguntar a qualquer fã de Dragon Ball Z e ele certamente dirá que a pior saga da franquia, é a saga do Garlic Jr. A saga é um prova que os roteiristas recorriam ao enchimento de linguiça no anime para evitar que ele alcançasse o material fonte do mangá. Goku e Vegeta, os guerreiros mais populares do anime, não estavam próximos para poder ajudar e Garlic Jr. simplesmente não é era uma ameaça convincente. Gohan, Kuririn e Piccolo foram suficientes para derrotar o vilão em uma sequência de luta, que sem dúvida poderia ser esquecida ou preenchida com qualquer outro acontecimento da saga.

1. Bio-Broly VS Goten e Trunks

Dragon Ball Z: O Combate Final (1994), trouxe consigo uma cena de luta que todo fã de Dragon Ball gostaria de esquecer. Além de ser considerado o pior filme da franquia, um Bio-Broly foi apresentado na produção. A luta em questão trouxe Goten e Trunks enfrentando uma versão do vilão que merece ser esquecida. Gohan por algum motivo não estava em combate, o que poderia adicionar uma pitada de seriedade a luta. Embora seja possível que os protagonistas mais fortes tenham ajudado de alguma a derrotar o vilão, a saída encontrada foi mergulhar o Bio-Broly em água. Bom, é algo que merece ser esquecido.

Leia mais sobre Dragon Ball

Publicidade
Comentários

Facebook

Publicidade

Mais recentes

Publicidade

Trending