Séries de TV

Please Like Me – 1ª Temporada | Crítica

Não apenas de séries americanas vive o mundo dos serie maníacos. Existem outras produções que merecem uma oportunidade e converterá causarão excelentes impressões no público. Um dia procurando séries que deixassem o tradicional  (americanas e britânicas), me deparei com a Australiana ‘Please Like Me’. A produção roteirizada e estrelada por Josh Thomas é baseada em fatos reais de seu criador. Imagine que ponto positivo ao enredo da produção que está baseada em acontecimentos que foram vividos pelo próprio criador. Isso dá um tom verdadeiro e é um atrativo para o público que busca se apegar a histórias e personagens das séries de TV. Please Like Me consegue isto perfeitamente.

A primeira temporada exibida em 2013 com apenas seis episódios apresenta boa parte dos personagens importantes à vida de Josh. Um jovem gay que no primeiro episódio acaba lidando com o término de seu namoro com Claire (Caitlin Stasey). Grandes amigos, Claire termina o relacionamento por acreditar 100% que não pode prosseguir com um namorado gay. O que na cabeça de Josh é simplesmente fácil de ser entendido. Uma vez que o personagem já é conhecedor de suas preferências, apesar de pouca experiência em relacionamentos com homens.

Essa descoberta de Josh é sempre apresentada de forma cômica. A série aborda outros assuntos importantes que acabam sendo ligados ao protagonista, como: a tendência suicida da mãe, os pais separados e amigos desajustados. A série brinca com assuntos relativamente sérios ou considerados tabus pela sociedade.

A primeira temporada mostra Josh tendo que lidar com o término de seu namoro (esse é o menor deles). Mas ao ser ‘forçado’ a voltar para sua casa devido os problemas de sua mãe (Debra Lawrence). A forma com o personagem precisa lidar com tudo e com todos é realmente o grande trunfo da série. Não há nada que o telespectador não se apegue. Seja as histórias ou aos personagens. Tudo é uma junção de uma história que não é contada para agradar, mas para mostrar como realmente acontece.

Outro destaque da série é o personagem Geoffrey (Wade Briggs). Ele é importante para essa construção do tão amado Josh. Ele é o primeiro namorado do protagonista na temporada e é interessante os questionamentos que ele leva na vida de Josh e quão importante é para essa mudança do protagonista.

A primeira temporada de Please Like Me conta com seis episódios de pouco mais de 25 minutos que podem ser assistidos de uma única vez. É como um filme de longa duração, com uma diferença: é contada uma grande história com elenco formidável, mérito do trabalho em Equipe de todos.

Nota: ✩✩✩✩✩

Título: Please Like Me – 1ª Temporada
Total de Episódios: 6
Emissora: ABC 2
Distribuição: Netflix
Lançamento: 28 de Fevereiro de 2013
Elenco: Josh Thomas, Debra Lawrance, David Roberts, Thomas John Ward, Wade Briggs, Caitlin Stasey, Keegan Joyce, Nikita Leigh-Pritchard, Renee Lim e Judi Farr
Direção: Matthew Saville
Roteiro: Josh Thomas
Produtores: Todd Abbott, Lisa Lang, Debbie Lee, Josh Thomas e Kevin Whyte
Duração: 25 minutos

Leia mais sobre Please Like Me